Guardado na gaveta!


"Há um prazer nas florestas desconhecidas;
Um entusiamo na costa solitária;
Uma sociedade onde ninguém penetra;
Pelo mar profundo e música em seu rugir;
Amo não menos o homem, mas mais a natureza..."
Lord Byron

Faz muito tempo que não passo por aqui, porque é bom escrever quando se tem vontade, e essa me faltava, talvez precisasse de um pouco de inspiração ou mesmo coragem. 
Sim coragem de transcrever meus pensamentos embaralhados... muitas coisas acontecendo ao mesmo tempo, muitas mudanças radicais, fim de relacionamento, inicio de outro, mas pera ai...calma, comigo mesma, é sim comigo..., a forma de ver muitas coisas, minha religião, mas minha fé, que após muito pensar só aumentou. Não deixei de crer em Deus, ao contrário tenho crido e amado, da minha maneira, muito mesmo. Só não quero conviver com pessoas que sinto hipocrisia, ainda que sejam a menor porcão do todo. Como eu sei, simples vivi muito tempo ao lado de uma para saber como é. 
Conheci pessoas que acrescentaram algo em minha vida, outras que me sugaram energia, mas tudo é uma questão de avaliar. Porque acredito que nada é por acaso, nada é sem um propósito. Eu me sinto como cara do filme, Chris, que adotou o nome de Alexander Supertranp...sim Alexander Andarilho...Ele acreditou, teve coragem de mudar sua vida, fez o que queria. Eu ainda não consegui tudo que quero, porém consegui um pouco de coragem de me impor as coisas que realmente quero, acredito hoje, amanhã é outro dia e posso, me permito a mudar de opinião, claro, se eu quiser!
Hoje acredito que o verdadeiro encontro com Deus é através da natureza, porque não temos nada tão doce e puro. Por isso a respeite!
Descobri que gosto de fotografias, que consigo ler algumas pessoas, e que sinto isso de forma límpida dentro de mim. Sim claro que já me decepcionei, por ver só o exterior, e muitas ainda estão por vir ou não...quem sabe é Deus !
Aprendi a respeitar a liberdade do outro, mesmo que ela me machuque e me pareça tão absurdamente errada, aprendi que nem sempre o que eu vejo é o certo ou errado, tudo depende da situação. 
Viver a solidão é bom, mas não sentir a solidão a vida toda.

É isso...suas atitudes demonstram realmente quem você é!

Ouvindo...Eddie Veder



























                           

Comentários

Postagens mais visitadas